Search

Oi, nós somos a peqii

Updated: Mar 29, 2021

"Escolha um trabalho que você ama e nunca terá que trabalhar um dia na sua vida" - Confúcio. Apesar desta ser uma das muitas citações motivacionais que você vai ouvir sobre trabalho, discordamos dessa afirmação. Mesmo que você ame o que faz, ainda é um trabalho: você tem responsabilidades e metas a atingir. Por outro lado, isso não significa que trabalho precisa ser necessariamente entediante ou doloroso.


Devido à pandemia, quando muitas pessoas começaram a trabalhar em casa sem nenhum planejamento ou treinamento prévio, aumentaram consideravelmente as discussões sobre o futuro do trabalho. Ficou claro que não há uma linha que separa a vida pessoal da vida profissional. O que acontece em uma esfera afeta a outra. Além disso, também ficou claro o quanto é importante as empresas mostrarem que estão cientes das dificuldades que seus funcionários enfrentam fora do ambiente de trabalho. Nesse contexto, começamos a discutir e desenvolver ideias com um único objetivo: ajudar empresas a fazerem seu pessoal feliz no trabalho.


Uma ideia nasceu

A semente de nossa empresa começou a crescer durante um brainstorming sobre como seria o mundo após a pandemia. O futuro do trabalho foi um grande assunto para nós, pois, apesar das grandes decepções que enfrentamos em nossas carreiras com empregadores e equipes, sempre gostamos de trabalhar. Depois de muita discussão, decidimos trabalhar em uma ideia específica que chamamos de Swags as a service.


A ideia era transformar o modelo de negócios da indústria de swags: de transacional, para serviço, com uma taxa mensal fixa por funcionário. Em primeiro lugar, fazia muito sentido, já que trabalhar em casa se tornou uma tendência. Enviar brindes ao exterior para equipes globais, por exemplo, se tornou uma dor crescente para empregadores. Depois de dezenas de entrevistas, entendemos que a logística e o armazenamento dos swags são complicados e caros. Não só isso, mas muitas vezes, o RH também é encarregado desse trabalho, tendo que se afastar do planejamento de desenvolvimento de pessoas para negociar com os compradores e transportadoras para o programa de presentes corporativos.


Encontrando um propósito

Nessas conversas que tivemos com especialistas de mercado, percebemos que havia algo maior por trás dos swags: o engajamento dos funcionários. Os swags são usados ​​como um método de motivação de funcionários. Quanto mais estudávamos o assunto, mais entendíamos o quão significativo pode ser a falta de motivação para uma empresa.


Decidimos então que resolver o problema da falta de motivação dos funcionários era a coisa certa a fazer. Ambos deixamos nossos empregos e começamos a trabalhar no negócio. Em suma, primeiro após escolhermos a ideia, percebemos o quanto essa estava ligada aos nossos valores.




O Círculo Dourado

Depois de alguns meses de estudos e entrevistas, estávamos focados numa missão: tornar as pessoas felizes e produtivas no trabalho. Por meio de tecnologias inovadoras e da valorização da individualidade, queremos ajudar as empresas a oferecer uma experiência de trabalho agradável, motivando os funcionários a trazerem o seu melhor para o ambiente de trabalho. Muitas indústrias têm feito isso para seus consumidores, tornando sua experiência mágica. Por que não focar nas pessoas mais importantes da empresa, os funcionários?


Funcionários engajados são funcionários mais produtivos; estudos mostram que empresas com alto nível de engajamento desses são 22% mais lucrativas do que seus concorrentes[1]. Nosso caminho para nosso objetivo passa pela tecnologia, que acreditamos ser a melhor maneira de obter insights sobre a individualidade das pessoas.


Road map

Primeiro, entendemos que precisamos de dados e tempo para construir uma melhor compreensão da motivação dos funcionários. Então, decidimos começar a oferecer um valor direto para nossos clientes: eficiência. Nosso primeiro produto será uma maneira mais fácil de gerenciar swags sem o fardo de armazená-los e despachá-los. Empresas com equipes em vários locais ou no exterior podem contar com nossa solução ponta a ponta. Deixe-nos saber o que você quer oferecer e nós o faremos: uma solução simples para economizar tempo e dinheiro das empresas para que o RH possa se concentrar em seu negócio principal: desenvolver pessoas.


O próximo passo da Peqii é trabalhar na personalização. Nosso objetivo é entender que tipo de presente terá mais impacto na vida do funcionário. Já sabemos que os presentes não monetários criam um efeito melhor na produtividade devido à “moeda da reciprocidade”. De acordo com um estudo alemão, os presentes não monetários aumentam a produtividade em 20% em comparação com os presentes monetários [2]. Mais do que saber o que as empresas devem presentear, queremos saber qual é o melhor momento para fazê-lo.


O início

Lançamos oficialmente o nosso negócio, procurando empresas que queiram criar uma experiência mágica para os seus colaboradores. Queremos nos relacionar com pessoas que acreditam no engajamento dos funcionários, que acreditam nas pessoas. Vamos começar com um presente simples, por enquanto, para tornar o trabalho divertido! É apenas o começo.


[1] Gallup https://emplify.com/blog/employee-engagement-stats-2020/

[2] The Currency of Reciprocity: Gift Exchange in the Workplace http://dx.doi.org/10.1257/aer.102.4.1644

74 views0 comments

Recent Posts

See All